A cachaça:

A cachaça pertence a nobre família das aguardentes, de eau-de-vieou aquavit. Trata-se de um destilado feito à base de cana de açúcar, leveduras e água. A produção se concentra no período de maio a outubro, quando ocorre a safra da cana-de açúcar. Seu processo de fabricação inicia-se com a moagem da cana, que produz um caldo ao qual adiciona-se água, resultando no mosto. Sob efeito das leveduras, o mosto entra em processo de fermentação. Após a fermentação processa-se a destilação em alambique de cobre. O armazenamento é feito em tonéis de madeira. Vamos simplificar o processo de produção da cachaça nos seguintes passos: corte da cana, fermentação, destilação e envelhecimento.

Corte de cana:

É realizado quando a cana está madura, ou seja, em seu estágio mais doce, sem utilização do recurso de queimadas visando preservar todas as propriedades da cana.

Fermentação:

A garapa obtida é depositada em dornas contendo fermento natural, obtido da própria cana-de-açúcar totalmente isento de aditivos químicos. O processo é controlado por medições no grau de sacarose e temperatura do mosto e possui uma duração que varia de 24 a 36 horas. Essa fase do processo requer uma higienização constante do ambiente visando evitar proliferação de microrganismos responsáveis pela contaminação da fermentação, o que comprometeria seriamente a qualidade final da cachaça.

Destilação:

Esta é a fase final do processo de produção da cachaça. A garapa fermentada é levada para o alambique de cobre, metal apropriado para fornecer o “bouquet” característico da cachaça mineira. O teor de cobre na bebida é controlado por filtragem (troca catiônica) e análises laboratoriais para que, não ultrapasse os índices permitidos pelo Ministério da Saúde. Na destilação são retirados a cabeça, cachaça obtida no início da alambicagem/destilagem e que concentra alto teor de aldeídos, e a cauda que é a porção final da destilação e possui graduação muito baixa. Dessa forma o produto obtido da destilação que é realmente utilizado para a produção de cachaça é chamado de coração e contém todas as características desejáveis para uma cachaça de qualidade.

Envelhecimento:

Após a destilação, a Cachaça Guaraciaba é depositada em tonéis de jequitibá, bálsamo, amendoim e amburana que varia por um período mínimo que varia 1 a 5 anos.

                                                        Desde 1960 fazendo cachaça de qualidade! Minas faz bem feito!